domingo, 23 de maio de 2010

Á Espera de Um Milagre!


É tanta gente falando que a gente quer tapar os ouvidos; é muito barulho. É tanto desespero que a gente é contagiado. Quando se trata de falar das coisas da igreja parece que já está todo mundo vacinado, ou pelo menos passa essa impressão.

Poderíamos enumerar centenas de coisas que poderiam melhorar na igreja. Há mensagens com esse objetivo, estudos na internet, propostas de todos os lugares e de todas as maneiras. Só que a gente se esquece que a noiva é de Cristo e todas as vezes que queremos propor alguma mudança, algum retoque, devemos consultar o Noivo, buscar a Sua aprovação e ver se é isso mesmo que Ele quer para Sua amada.

Tantos projetos, tantos métodos, tantas fórmulas e tantos livros que a gente se perde nessas ondas. Há muita vontade, muito desejo que muito se mude, mas onde está Deus em todas essas coisas? Eu respondo; Ele está por aí. Ele não se esqueceu de ninguém, muito menos de Sua noiva.

Temos a pretensão de achar que Deus só usa quem está na TV, nos jornais e congressos, nas igrejas e nos púlpitos, mas Ele tem usado coisas muito loucas desse mundo e confundido a cabeça dos pseudo-sábios. Pequenas coisas, grandes efeitos! A gente perdeu a simplicidade do evangelho, a gente cresceu demais e deixou a criancice bem longe. A gente foi se machucando e criando uma casca tão profunda que só sai com oração, jejum e um abraço.

Deus está por aí! Por trás de cada ação impensada, por trás de cada palavra que saiu sem querer no momento de nervoso, por cada porcaria que a gente faz, Deus transforma quase de maneira mágica fezes em chocolate. Ao longo dos anos a especialidade de Deus tem sido brotar lírio no meio do lodo.

Meu coração só quer uma coisa, que as coisas possam mudar! Seja por meios que a gente nem espera ou seja por meios que a gente planeja, a única coisa que eu espero é que Deus esteja por aí, e Ele está! A gente só precisa ficar de olhos bem abertos, por isso é bom que estejamos prontos para quando ouvirmos o rugido percebermos que a hora chegou.

Por enquanto, a espera me fortalece. Qual criança que espera o presente prometido, na confiança que o pai já está com o presente até já comprado, mas escondido em algum lugar, assim são meus dias. Não quando Ele virá me presentear, só sei que Ele está me preparando pra ganhar e não se assustar com o tamanho do pacote.

Um comentário:

jefhcardoso disse...

Sempre ouço minha Andréia dizendo aos nossos filhos que precisamos confiar na oração, é muito fácil falar, pedir, o difícil é confiar e esperar e é aí que deparamos com o tamanho de nossa fé; e ela sempre cita o mesmo versículo "todas as coisas procedem para o bem para aqueles que buscam a Deus".
Bem, qualquer coisa eu estarei em meu blog (http://jefhcardoso.blogspot.com), onde falei sobre os dois dias que nos resta de vida.

Abraço do Jefhcardoso.