quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Deus Está no BBB!


É isso mesmo que você acabou de ler! Para mim, Deus sempre esteve no Big Brother Brasil. Apesar da idéia do jogo e de todas as tramas e brigas que acabam acontecendo por conta de tanto dinheiro, seres humanos nos dão uma demonstração incrível que muitas vezes o jogo pela busca do dinheiro é confundido com o jogo pela busca de vida.

Acabamos criticando determinadas situações do cotidiano dos participantes do BBB e nos deparamos com as mesmas situações, mas agora sendo cometidas por nós. Intrigas, fofocas, paqueras, a tensão entre amor e ódio nos relacionamentos, discussões; gente lidando com gente. A única diferença é que nem todos nos assistem e, assim, não enfrentamos os “paredões”. E se enfrentássemos, talvez fossemos sumariamente eliminados.

Deus está no BBB primordialmente porque Ele está em todos os lugares. Ele está essencialmente inteiro, não em partes, não para julgar e nem mesmo para condenar, mas está lá para também ser visto através de manifestações de Sua imagem e semelhança nos seres humanos que ali estão confinados. Os participantes conseguem enganar até certa altura do jogo, mas há momentos de tensão em que os sentimentos se afloram, o humano se revela superior ao jogador. E é exatamente aí que Deus mostra sua cara.

Perceba no dia da eliminação. Há uma mistura de choro e riso totalmente maluca. O que sai, sai chorando porque perdeu a grana, mas sai rindo porque está morrendo de saudade das pessoas aqui fora. Acontece a mesma coisa com aqueles que permanecem. Estão rindo e ao mesmo tempo sentindo muito pela saída de um amigo. Há outras ocasiões em que o eliminado é enxotado com gosto. Todo mundo gosta da saída daquele que armava, confundia e enganava.

Veja como esse jogo nada mais é do que um retrato daquilo que somos e esperamos. Torcemos pelo bom, pelo injustiçado, pelo valente mesmo em meio a muita conspiração e dificuldade. Esperamos pela eliminação do fofoqueiro, do falso, do chato. Parece um conto de fadas, uma novela, onde no fim o bem acaba vencendo.

Isso mostra que queremos que o chato, o fofoqueiro, o monstro que está confinado em nós seja eliminado o mais rápido possível, e isso é projetado no participante que é eliminado. Mas Deus está no BBB mostrando outra realidade.

No BBB a maioria é eliminada e um jogador apenas ganha. Com Deus no jogo, todos vão para o paredão, merecem ser eliminados porque são enganadores, fofoqueiros e chatos, mas Deus nos ensina a nos enxergar diferentemente a partir daquele que decidiu ser eliminado em nosso lugar: Jesus.

3 comentários:

wilma disse...

É isso ai pastor!
Muito bom!
Voltou a escrever, já estava sentindo falta...não para mais.
Saudades:)
Bjus

Bruno Lima disse...

Ahhhh não " O VERDADEIRO CRENTE NÃO ASSISTE BIG BROTHER PORQUE... BLA, BLA, BLA........ZZZZZZZZZZ"

Interessante Cris, queria ver mais opiniões sobre isso, ver o que os outros acham, principalmentes os "moralistas" e "tradicionalistas" de plantão que afundam o evangelho.
Flw!!

fabinho disse...

Eu tbm vejo de uma forma... como se nós daqui de fora fôssemos "Deus".. pois podemos vigiar cada um 24hrs!! a diferença é que nós os julgamos pela capa, o externa, o que pe demostrado... + só Deus tem competência de fazer o dianóstico correto de cada um!!!

uma interessante observação a sua... bjss Ass: binho